terça-feira, 23 de novembro de 2010

Cap. 2 Paixão inesperada

Renesmee Cullen

Eu estava lá, a caminho para a sala de estar, paralizada e afundada em
pensamentos quando escutei a " minha voz " aquela voz rouca e doce, a voz
do " meu " Jacob e tive o imenso desejo de Correr para os seus braços, mas
me conti e me acalmei respirando profundamente e controlando os meus
pensamentos para que o papai não tivesse que escutar coisas que não devia.
Então começei a andar lentamente para a sala de estar.

Jacob, Sala de Estar dos Cullen

Eu estava impaciente, não via a hora de ver a minha querida Nessie. Como
ela estaria? Com certeza  linda como sempre só que um pouco Mais velha.
Desde que os Cullen se mudaram para cá eu sofri cruelmente, então não
aguentei e vim ver a minha querida garota, pois Sem ela eu não vivia. Ela
já ia entrar na escola, perdi metade da sua vida, mas agora eu ia ficar
aqui, custasse o que custasse, iria viver com a Minha garota e não a
largaria a nem um momento. Com esse pensamento Edward rosnou e logo entendi
que ele não queria que eu ficasse vivendo com a Nessie Mais eu não estava
nem aí para ele, se Nessie me quisesse eu ficaria aqui, mesmo se ele me
odiasse pelo resto da sua vida ( o que pode demorar muito ).

Renesmee, A Caminho da Sala de Estar

Escutei um rosnado vindo do meu pai antes de eu entrar na sala, o que será
que o Jacob pensou, que o meu pai não tenha gostado? Entrei então Bem
devagar na sala e Logo tomei um choque: Lá estava ele Sem camisa, lindo
Como sempre me esperando. Abracei-o feliz da vida.
  - Minha querida Nessie, você está enorme, Senti tantas saudades. O Jake
foi falando Sem disfarçar a felicidade da sua voz.
  - Também morri de felicidades de você. Eu falei o abraçando fortemente.
Ele me deu um beijo na bochecha ( o que provocou uma mudança de postura no
meu pai ) e então avistei o Seth que tava meio escondido observando os
nossos comprimentos, e quando ele viu que eu olhava ele falou:
  - Posso Te dar um abraço também ou vocês vão ficar se agarrando a tarde
inteira?
  - Seth!! Que saudades!! Gritei e o abraçei.
  - Também estava com saudades de você pequena. Ele falou ( ele é tão
adorável! ).
  - Vocês vão ficar aqui? Perguntei Sem disfarçar o toque de esperança na
minha voz ( eu queria que eles ficassem!! ).
  - Bom, a gente fica aqui o Tempo que você quiser. Respondeu o Jacob
dando uma espiada para o meu pai.
  - Claro que eu quero que vocês fiquem!! Podem ficar aqui a vontade!!
Quase gritei.
  - Pai, tudo Bem para você. Perguntei de última Hora.
  - Achava que não ia Mais perguntar. Para mim tudo Bem enquanto o Jacob
controlar seus pensamentos. Ele falou, um pouco carrancudo.
  - Por isso a tia Rose está tão carrancuda, ela ainda não gosta muito de
você. Falei para o Jacob
  - A Rainha do Gelo não está feliz em me ver? Perguntou o Jake brincando.
  - Claro que não, seu bobinho. Falei carinhosamente. O Jacob e o Seth
ainda cumprimentaram o resto da família e depois eu e o Jacob fomos para o
andar de cima para que eu pudesse mostrar o quarto dele.  

Jacob, Casa DOS Cullen, Segundo Andar.

Eu não podia acreditar: A minha Nessie me queria!! E Agora iria Morar com
ela!! Ela deveria ter sofrido Como eu quando se mudou para ca.
  - Jake você se importa de dividier um quarto com o Seth? A Nessie falou
me acordando das minhas ondas de pensamentos.
  - Tudo Bem, ele não vai ficar aqui por muito Tempo. Respondi ( por ela
dormiria lá Fora )
  - Mais porquê? Ela perguntou com a sua voz preocupada ( ela ficava tão
Linda quando estava preocupada!! )
  - Ele tem família em La Push se lembra? Lhe disse.
  - Ah! É Leah e Sue. Ela falou e me mostrouno quarto ( que por acaso era
enorme, poderia tê-lo dividido COM o Seth e o Sam ).
  - Mais e o Billy? Ele apoiou sua escolha? Perguntou ela.
  - Sim até demais, ele não aguentava Mais me escutar lamentando e a
Rachel nem se importou muito já que ela Agora tem o Paul. Respondi
tranquilamente.
  - Que bom, então todos apoiam a sua decisão. Ela falou, fechando a Porta
do quarto e se virando para mim.
  - Fora a Rainha do Gelo e o seu pai. Falei brincando.
  - a tia Rose eu já sei, mas meu pai? Ela perguntou curiosa.
  - Sim, ele não quer, que eu tome a sua liberdade. Falei ainda brincando.
  - Há, há, há, mal você chegou e já está de brincadeira. Ela falou me abraçando, nesse momento ( Logo nesse momento ) Edward apareceu e olhou para a gente COM um olhar duro e frio. O que será que ele estava pensando?

 Espero que VCS tenham gostado, comentem.

Bjos

2 comentários:

D. disse...

estou adorando
beijos danny

Jovanna disse...

Obrigada. Danny :) Ainda Bem. Que vc gostou. Bjos