sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Suspensa

Olá, meninas!
Bem, infelizmente, eu tenho de suspender um pouco a fanfic "Por Te Amar" porque eu tenho andado a fazer, e acabar, os trabalhos de casa das férias por isso, e como ela está pouco, avançada é normal que ela não seja postada durante algum tempo.
Bjs, Melissa e espero que não fiquem muito chateadas.

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Feliz Ano Novo


Olá, pessoal!
Bem, o blog Renesmee Cullen Fã Blog deseja-lhe um Feliz Ano Novo, espero que seja melhor que o meu...
Infelizmente eu estou com febre e dá para ver que, infelizmente, vou passar o Ano Novo e a véspera de Ano Novo com febre :(
Bem, eu espero que o vosso Ano Novo seja melhor que o meu, minhas queridas. Também queria agradecer pelas pessoas que comentam as postagens e que visitam o blog, é muito importante para nós saber que alguém gosta e que alguém lê tudo o que postamos :)
Bjs, e um Feliz Ano Novo :)
Melissa

quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Stephenie Meyer pode te deixar atraente!

Robert Pattinson tem uma idéia interessante para pessoas que querem ser reconhecidas como atraentes – meter a autora de Twilight, Stephenie Meyer, no assunto.
O ator britânico se tornou um galã do dia pra noite depois de estrelar como o vampiro Edward Cullen em Twilight, que é baseado no livro de Meyer.
E Pattinson diz que conseguir esse papel fez maravilhas em sua reputação por aí – como todo mundo achá-lo sexy agora.
Ele explica, “Ano passado se eu quisesse bater um papo com alguém eu tinha que sair sempre, e agora esse ano, eu continuo exatamente o mesmo e isso mudou do nada.
“Qualquer um que quiser ser reconhecido como atraente deveria apenas deixar Stephenie Meyer dizer ‘Esse cara é atraente’, e depois todo mundo acreditará nisso!”
O que vocês acham, minha gente?Foi a Stephenie que deixou ele atraente ou na verdade ele sempre foi?!
Então o que acham comentem ok beijos Danny.

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Solstício, Capítulo 3


Capítulo 3


Visão Renesmee Cullen

Bella levantou-se de onde estava o Jacob e ficou perante mim. O Jake olhava-nos com muita atenção, talvez pensasse que eu iria gritar.
- Eu vou deixar-vos á vontade. – Disse a Bella.
Fiquei á porta do quarto. Jacob olhou para mim e olhou para o lado.
- Nessie… - Murmurou o Jacob.
Rendi-me aos encantos do meu marido. Segui em frente e deitei-me do lado em que as costelas do meu marido estavam intactas.
- Amo-te…e tive muito medo de te perder… - Murmurei.
- Eu também… - Disse o Jacob.
Uma semana passou e nós não fomos á escola, como é óbvio. Tinha imensas saudades de sentir o meu amor.
O Liceu era quase um martírio para mim. Ver aqueles humanos tão…parvos. É parvo eu achas os humanos um pouco parvos porque eu sou meia como eles…
- Vamos fazer uma festa de anos para o Emmett, queres vir Bella? – Perguntou a Alice á Bella.
Alice tentava ser simpática mas, simplesmente, eu não conseguia. Jacob estava numa mesa com os amigos dele, os lobos.
- Vá lá, querida. Agora és da família. – Disse o Edward.
Edward quase não tocava em Bella. O meu irmão era louco pelo sangue dela por isso, para ele, era arriscado estar muito tempo ao pé dela.
Às vezes nem eu conseguia ficar muito tempo ao pé daquela criatura. Rosalie já tinha saído da nossa mesa e estava ao pé dos lobos, ela odeia-os mas odeia mais Bella.
Eu já não caçava á mais uma semana e apenas a comida não me deixava, completamente, saciada.
Aquele cheiro doce do sangue de Bella espalhava-se pela sala. Sentia-me rendida aquele sangue, tão…fresco.
Edward levantou-se, agarrou no meu pescoço e encostou-me á parede. Todos os presentes no refeitório começaram a olhar para mim e para o meu irmão.
- Então, meu?! – Jacob empurrou o Edward para trás. – Larga-a! – Quase que o meu marido gritou.
O Edward largou-me. Saí daquela escola a correr e fui em direcção á floresta para caçar. O meu irmão nunca foi assim, ele sempre foi calmo.
Jacob foi o único que me procurou, com Rosalie e Alice. Mais uma semana passou e Jacob fazia anos, bem eu tinha as surpresas perfeitas.
Primeiro, e como sei, que o Jake adora futeboll por isso decidi comprar uns bilhetes de futeboll para o jogo dos Lakers.
Como o Jake faz anos na sexta-feira e depois é fim-de-semana também comprei uns bilhetes para um fim-de-semana romântico em Paris!
- Amor… - Arfei enquanto tentava respirar por entre os beijos do Jake dentro do nosso jacuzzi.
O Jake separou os nossos lábios e olhou-me.
- Diz. – Pediu.
- Eu tenho aqui a tua prenda. – Disse eu tirando um envelope de cima da mesa ao lado do jacuzzi.
Entreguei o envelope ao Jake. Ele secou as mãos e abriu o envelope, retirou os quatro bilhetes do envelope e ficou de boca aberta.
- Nessie, eu fui comprar isto e estavam esgotados… - Disse o Jake.
- Eu sei. Eu comprei os últimos dois. – Respondi com um sorriso nos lábios. – E temos um fim-de-semana romântico em Paris. – Disse eu mostrando os bilhetes de avião.
- Eu amo-te! – Disse o Jake com um beijo nos meus lábios.
Nessa mesma noite foi a festa de anos de Jacob e como sempre a Bella foi convidada. Ela não faz parte da família…
Também odeio aquela humana armada em boa, como se ela fosse. Aquela coisa estúpida, idiota.
Só me apetecia sair dali e ir a correr para Paris com o amor da minha vida. Só me apetecia estar sozinha com ele…
A festa foi grande mas acabou bem. Chegámos os dois a Paris e levei Jacob a ver, então, o jogo dos Lakers.
Eu odiei o jogo! Foi enfadonho… Bem, mas mesmo assim eu tinha a certeza que a nossa noite iria correr bem melhor.
Senti o toque do Jacob nas minhas mãos. Jacob pegou-me ao colo e deitou-me em cima da cama do quarto de hotel.
- Amo-te. – Murmurou o Jacob contra o meu pescoço.
- Eu também. – Sorri-lhe.
Bem, o Jake foi tirando cada peça de roupa minha. Foi como na nossa lua-de-mel, ou ainda melhor do que da primeira vez.
Acordei de manhã sozinha naquela cama enorme. Olhei á minha volta e não vi o Jacob. Saí da cama, vesti a t-shirt dos Jake e fui até á casa de banho do hotel.
Ouvi barulho da água a correr, o meu marido estava a tomar banho.
- Posso ir para ai contigo? – Perguntei-lhe mordendo o lábio inferir.
Jacob parou a água e olhou-me com um sorriso.
- Claro, meu amor. – Respondeu-me o Jacob.
Tomamos os dois um banho óptimo e muito… sexy. A água a cair pelos músculos do meu amor deixava-me, simplesmente, extasiada.
O fim-de-semana passou. E voltamos às estúpidas aulas. Sentei-me na mesa do refeitório com a cabeça entre os braços.
Sentia-me mal! Tinha a cabeça a doer muito, sentia-me enjoada, e até cheguei a vomitar tudo o que bebi de sangue ontem.
- Sentes-te bem, querida? – Perguntou a minha irmã Rose.
- Não… Dói-me a cabeça e estou enjoada. – Respondi-lhe.
- Ai, ai… Devias ir falar com o pai. – Disse a Rosalie.
De tarde Rose obrigou-me a falar com o nosso pai, Carlisle, mas ele não estava em casa. Fui para minha casa e deitei-me no sofá enquanto Jake estava a trabalhar.
- Faz isto e cala-te. – Disse a Rosalie com uma caixinha cor-de-rosa na mão.
- Rose eu… - Rosalie interrompeu-me.
- Rose nada! Vais fazer isto e vais ver como eu estou sempre certa. – Disse Rosalie.
Não havia nenhuma possibilidade de eu estar grávida. Se bem que fosse uma coisa que eu realmente queria mas eu não posso engravidar e ponto final.
Acabei de fazer o teste de gravidez e esperei uns 10 minutos até receber o veredicto. Rosalie estava entusiasmada e eu estava com medo.
Primeiro, eu já tinha formado na minha cabeça a ideia de estar grávida. Aquela ideia de a barriga começar a crescer, de sentir o meu bebé a mexer… Enfim, essas coisas todas.
Mas a cima de tudo tinha medo de ficar desiludida. Segundo, o Jacob. Ele vai ficar contente ou zangado?
Fechei os olhos e a minha irmã é que se voluntariou a ver o resultado do teste de gravidez. Vi que Rosalie estava a ver a legenda do resultado e depois abriu um grande sorriso.
- Finalmente vou ser tia! – Exclamou a Rosalie com os braços abertos.
Pulei para o colo da minha irmã e caímos as duas para cima do sofá.
- A mãe e Alice não vão parar quietas um segundo… Pelo menos o Jake, uma vez na vida, fez um bom trabalho. – Disse a minha irmã Rose.
Sorri-lhe. Aquele era o melhor dia da minha vida! Uma hora depois o Jacob chegou a casa, parecia um pouco preocupado.
- Nem vais acreditar… Os Volturi vêm aqui… Aparentemente eles descobriram que a Bella sabe do nosso segredo. Eles querem destruir-nos. – Disse o Jacob.
Senti um aperto no estômago enorme. Sim, foi um aperto. Tenho a certeza que não foi o bebé a mexer, mas, quem me dera.
- Sentes-te bem? – Perguntou o Jacob ainda assustado.
- Eu… eu não esperava isto. Achas que vai ficar tudo bem? – Perguntei-lhe enervada.
- Amor… - Jacob abraçou-me. – Eu, pelo menos, vou proteger-te. – Respondeu-me com um beijo.
______________________
Olá meninas!
Gostaram do capítulo?? Comentem, por favor!
Bjs, Melissa

Informação

Olá meninas!
Como sabem a escola está quase a começar e daí eu não vou ter muito tempo para conseguir escrever por isso terei de fazer fanfic's mais pequenas.
Não contem que a "Por Te Amar" seja uma fanfic muito grande...
Bjs, Melissa

Eclipse entre os Filmes mais vistos em Portugal


O cinema de animação continuou a funcionar bem nas salas portuguesas. São quatro as longas-metragens de animação entre os dez maiores êxitos do ano.No topo da lista surge "Shrek Para Sempre" com 743 mil espectadores, que originaram uma receita bruta de 4.600.000 euros. Seguem-se "A Saga Twilight: Eclipse" e "Alice no País das Maravilhas".Aqui fica o top 10 das estreias do ano:


1. SHREK PARA SEMPRE!
2. SAGA TWILIGHT ECLIPSE
3. ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS
4. TOY STORY
5. A ORIGEM
6. HARRY POTTER E OS TALISMÃS DA MORTE - PARTE 1
7. PRÍNCIPE DA PÉRSIA: AS AREIAS DO TEMPO
8. COMO TREINARES O TEU DRAGÃO
9. COMER ORAR AMAR
10. ROBIN HOOD


A nossa Saga faz sempre um grande lucro!
Não acham?
Bjs, Melissa

Natal na Casa dos Swan

O diretor Bill Condon acabou de twittar a foto da árvore de Natal da casa dos Swan, onde Bella, Nessie, Jacob e Edward e a alcateia passam a ceia. Vejam e se emocionem:


Bjs, Melissa

Por te Amar, Capítulo 1


Capítulo 1 – A mudança



Visão Renesmee Cullen

Sentei-me calmamente no sofá do meu apartamento. New York é lindo. A cidade que nunca dorme cheia de luzes…
Eu acabei á pouco tempo a Universidade de Arte e Design. Agora, com 24 anos, espero arranjar um emprego em que seja bem sucedida.
Agora, a cada emprego que vou dizem sempre que já têm uma vaga. Em NY parece bastante fácil arranjar trabalho, mas não é!
Também não gosto de viver da mesada que o meu pai me dá todos os meses por isso arranjar um emprego era a cereja no topo do bolo.
A minha família é bastante grande. Sou eu, a minha irmã Rosalie, Alice e Edward. Coitado… Edward é o único rapaz no meio de tantas mulheres.
Liguei a televisão. Estava a dar umas notícias sobre uns criminosos que estavam em NY. O meu telemóvel tocou o que, sinceramente, me assustou.
“ – Olá minha princesa.” – Ouvi a voz do meu pai, o que me deixou muito feliz.
- Olá papá! Tenho saudades… - Respondi.
“ – Renesmee, eu liguei porque a família decidiu que está na hora de voltares para Forks. Afinal eu consegui arranjar um bom emprego para ti, como directora criativa da minha firma. Precisamos sempre de alguém que elabore panfletos, cartazes, sites para a firma e tu és a rapariga perfeita.” – Disse o meu pai.
Por muito que não quisesse sair de NY tinha de ser. No dia seguinte comecei a fazer as malas para me despedir daquela cidade maravilhosa.
Nesse mesmo dia o meu pai andou um avião particular vir buscar-me a NY. Estranho… Nunca pensei que o meu pai tivesse um.
A viagem foi curta e descansada. Bebi uma água e almocei ali no avião. Quando cheguei a Forks tinha a minha família á minha espera.
Só me consegui abraçar a eles e lembrar-me das saudades que me remoíam por dentro. Eles levaram-me para casa dos meus pais.
Quando saí do carro, de marca bem cara, vi á minha frente uma mansão enorme. Era completamente… linda!
A minha mãe entrou comigo e levou-me até ao meu quarto. O meu quarto era simplesmente maravilhoso.
Tinha uma casa de banho com um jacuzzi, uma banheira enorme, enfim, era uma casa de banho de princesa.
O quarto tinha uma cama enorme, maravilhosa. Tinha também um tocador e várias mobílias muito luxuosas.
- Uau… Que… lindo. – Foi a única coisa que consegui prenunciar.
- É, não é? – A minha mãe pôs as mãos nos meus ombros e sorriu-me. – Estou contente por te ter de volta. – Abraçou-me.
Abracei a minha mãe de volta. A minha mãe saiu do quarto para me dar um pouco de privacidade.
Decidi ir experimentar aquela banheira enorme. Enchi a banheira com água quente, pus algum gel de duche para fazer bastante sabão.
Despi a minha roupa e entrei lá dentro. Fui um banho bastante… relaxante. Saí da banheira e fui arrumar as minhas roupas no guarda-vestidos enorme.
Bem, acabei de arrumar as minhas coisas e fui até á sala para ir ter um pouco com os meus pais. As escadas eram todas em mármore…
Quando estava a meio das escadas vi um homem muito moreno vestido com um terno. Continuei a descer as escadas quando vi o meu pai a apontar para mim.
- A minha filha, finalmente, chegou. – Disse o meu pai com um sorriso enorme.
- Olá. – Sorri-lhe, ao homem.
- Renesmee, este é o Billy o meu… sócio. – Disse o meu pai.
O tal Billy sorriu-me, muito simpático, e também me cumprimentou de uma forma bastante educada.
Depois de conversarmos um pouco os três sobre NY o meu pai levou-me até á empresa dele para eu ver o meu cargo como Directora Criativa.
Eu tinha um escritório só para mim. Tinha uma cadeira de pele e uma secretária de madeira pura!
Havia também alguns acessórios mas toda aquela luxúria saltou-me, completamente, aos olhos. Parecia que tanto luxo nunca acabava.
- Começas a trabalhar amanhã às nove da manhã pode ser? – Perguntou o meu pai.
- Claro! – Levantei-me da cadeira e abracei-me ao meu pai. – Não sei como te agradecer…
- Não tens filha. Eu adoro-te. Lembra-te disso. – Beijou a minha testa e saiu do meu escritório.
No dia seguinte acordei bem cedo. Eram umas oito da manhã. Vesti uma saia preta, uma t-shirt justa branca, um blaizer preto e calcei uns sapatos pretos de salto alto.
Alisei o meu cabelo encaracolado, maquilhei-me de uma forma simples mas sofisticada. Saí do meu quarto e fui tomar o pequeno-almoço, apenas, com o meu pai.
- A mãe? – Perguntei olhando para os talheres de prata.
- A tua mãe foi fazer umas compras para a casa. Acho que falta alguma comida, mas tu sabes o lema dela: “mais vale prevenir do que remediar.” – Brincou o meu pai.
Fui trabalhar. Bem, as primeiras horas foram um pouco… difíceis de suportar. Não havia grandes coisas para fazer.
A meio da tarde recebi então um trabalho: fazer um novo site para a empresa do meu pai. Bem, primeiro tive uma reunião com os sócios da empresa e depois então é que pude fazer algum esboço para um possível site.
____________________
Olá pessoal!
Aqui está o primeiro capítulo da nova fanfic.
Gostam?
Bjs, Melissa e comentem, por favor!

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Nova Fanfic, Por Te Amar

Olá, meninas!
Eu hoje vim o filme muito bom que uma rapariga descobre que é filha de um homem da máfia e que ela tem se "segurar" o negócio da familia.
Bem, eu tive inspiração e decidi postar uma fanfic nova chamada "Por Te Amar". Eu vou pôr aqui em baixo o prólogo e as indicações das personagens, espero que gostem e que comentem :)


Prólogo:

Renesmee Cullen, uma rapariga simples, honesta e muito inteligente. Renesmee estava numa faculdade de Arte e Design em New York mas depois de a ter acabado e não ter conseguido arranjar nenhum emprego o seu pai, Carlisle Cullen, arranja-lhe um emprego como directora criativa do seu escritório.
Quando Renesmee finalmente chega a Forks conhece Jacob Black. Um rapaz intrigante distante das pessoas.
Renesmee tenta conhecer melhor Jacob, e a ligação de Carlisle, seu pai, e Billy Black, pai de Jacob. Quando num dia Renesmee segue Carlisle e Billy encontra-se no meio de um tiroteio.
Jacob é quem a salva. Jake, como lhe chamam os amigos, conta a Renesmee que na verdade ambos são filhos de donos de pessoas da máfia.

Personagens:

Renesmee Cullen – Renesmee Cullen. Irmã de Rosalie Cullen, Alice Cullen e Edward Cullen. Renesmee é uma rapariga simples, inteligente, bonita e muito honesta.
Carlisle Cullen, pai de Renesmee, sempre fez questão de pôr todos os seus filhos a estudar em escolas bastante boas. Renesmee acaba a universidade de Arte e Design, como é difícil arranjar trabalho em New York, Carlisle, exige que a filha volte para ao pé da família.
Quando Renesmee volta para ao pé da família vê que tudo é extravagante demais, todos os membros têm bons carros e a casa é uma mansão enorme.
Carlisle arranja um trabalho na sua firma para a sua filha como Directora Criativa. Logo a seguir Renesmee conhece Jacob, filho de Billy Black o melhor amigo do seu pai, Renesmee acha-o um rapaz intrigante.
Um dia Renesmee segue Carlisle e Billy. Quando dá por ela está num tiroteio enorme. Quem a salva daquilo tudo é Jacob que lhe explica que, na verdade, Carlisle e Billy pertencem á máfia.

Jacob Black – Jacob Black. Irmão de Rachel e Rebecca Black. Jacob é filho de Billy Black, um chefe da máfia.
Jacob é um rapaz isolado pois quando as raparigas descobrem a sua família ficam aterrorizadas e fogem mas Renesmee não.
Quando Renesmee decide seguir Carlisle e Billy encontra-se num grande tiroteio entre máfias, Jacob é o primeiro a salvar Renesmee.
Depois disso novos sentimentos começam a surgir no rapaz e uma enorme necessidade de protecção em relação á rapariga.
Quando Jacob dá por ele está perdidamente apaixonado por Nessie, como ele lhe passa a chamar.

Carlisle Cullen – Carlisle é melhor amigo de Billy Black, juntos conformam uma firma única e junta da máfia.
Quando Carlisle descobre que Renesmee pode estar sozinha em New York sabendo que outra máfia, bastante mais perigosa, sabe que pode atacar a sua filha.
Carlisle tenta esconder á sua filha mais nova, Renesmee de 24 anos, que pertence á máfia com Billy mas esta segue-o e vê-o no meio de um tiroteio.
Jacob é o primeiro a salvá-la.

Billy Black – Billy Black é melhor amigo de Carlisle Cullen. Billy avisa Carlisle para tirar Renesmee rapidamente de New York pois ela pode ser atacada.
Billy é o primeiro a ajudar Renesmee a perceber que, na verdade, aquele não é um verdadeiro mundo crime.
Billy também ajuda Jacob quando sabe que esta gosta verdadeiramente de Renesmee.

Então? É interessante?
Mereço um comentário? Comentem, por favor...
Bjs, Melissa

P.S.: Postarei depressa o primeiro capítulo e logo a seguir o capítulo novo de Solstício!

domingo, 26 de dezembro de 2010

Mudança

Olá pessoas!
Então eu decidi mudar o blog e aqui está!
Gostaram do cabeçalho que eu fiz?
Bjs, Melissa

sábado, 25 de dezembro de 2010

4º capitulo de "I fell for you"



-Eliza
Hoje parece um bom dia.Acordei e fui me trocarpara ir para loja,só espero conseguir o emprego
Sai e fechei a casa.Minha casa não é lá a das maiores do mundo,tem 4 quartos,3 banheiros,cozinha,sala,picina e jardim.Quando cheguei na loja só estava a Sr Call.
-Oi –falei
-Olá –falou
-quer ajuda?-perguntei
-sim,seria otímo-falou
Peguei a vassoura e começei a varrer para mim lá era um lugar com um otimo ambiente para trabalhar.

-entao eu dei uma olhada em seu curriculo-falou
 -serio?-falei
-sim e gostei muito-falou
-Que bom-falei
-E pensei,acho que voce pode trabalhar aqui-falou
-Nossa serio mesmo estou louca por esse emprego-falei
-sim serio começe amanha –falou
-Renesmee
Acordei hoje loca para trabalhar,pois quando trabalho o tempo passa rapido e hoje era isso que eu queria,me arrumei e fui trabalhar como se fosse um dia normal mesmo não sendo isso.Cheguei lá para minha surpresa a Eliza estava láajudando a Sr Call.
-Olá –falei
-Olá Renesmee-falou a Sr Call-vou te apresentar a sua nova amiga na loja ela vai te ajudar um pouco aqui.
-Muito prazer-falou Eliza
-O prazer é meu-falei
 Bom a hora passou rápido,eu e a Eliza conversamos muito sobre tudo ela me disse que tinha um encontro então desejei boa sorte a ela mesmo sabendo que era o Embry.
-Eliza
A Renesmee é legal conversamos o dia todo ela ate me desejou boa sorte com meu encontro as 8:30.Nossa são 7:00 preciso correr.
Como eu queria um moto agora,fechei os olhos e tudo aocnteceu rapido demais me consentrei na moto e logo eu a senti na minha frente.
-cara estou gostando mais disso-falei
Montei na moto e ia sando mais eu vi a Nessie saindo ela ia sozinha entao eu ofereci uma carona
-ta tudo bem eu vou-falou e montou na moto
Chegamos em 15 minutos.A casa era linda e grande comparada a minha.
-Obrigada-falou
-de nada-falei
-corre vai perder o seu encontro –falou
-nossa é mesmo tchau-falei
Cheguei em cas em 15 minutos.7:30 droga vou me atrazar subi tomei banho desci pronta e liguei a TV.já estava pronta.
-Embry
 Bom hoje eu vou sair com ela mais com que roupa eu vou?logo ouvi minha mãe entrar
-Filho?-falou
-Aqui-gritei
-ah sim cmprei uma roupa para voce-falou
-serio,nossa voce salvou minha vida-falei
Bom ela literalmente a salvou.Me troquei e já eram 8:10 sai peguei minha moto e logo cheguei  na casa dela,podia ouvir a Tv ligada em um programa de culinaria.
Cheguei perto da porta e logo toquei a campainha e ela logo atendeu.
Gostaram então comentem ok beijos Danny






Solstício, Capítulo 2

Capítulo 2

Visão Renesmee Cullen

Edward entrou porta a dentro de mão dada com a humana. Sai do colo do Jacob e dirigi-me às escadas para me juntar á Rose.
- Família, esta é a Bella. – Disse o Edward. – Não precisam de esconder nada… ela sabe que somos lobos e vampiros, e uma semi-vampira. – Disse o Edward.
- Não sabes as consequências das escolhas que estás a fazer?! – Perguntou a Rosalie.
Limitei-me a não dizer nada. Talvez não tivesse muito mural para falar naquele momento mas ora o Jake é um lobo!
- Sei Rose. Seu perfeitamente. – Respondeu Edward.
Rosalie deu meia volta e foi para o quarto. Emmett disse que tinha gostado de conhecer Bella e foi atrás da Rose.
- Olá, sou a Alice. Bem-vinda á família. – Disse a Alice abraçando-a.
O Jacob, e os restantes lobos e vampiros, levantaram-se e foram até ela. Aquilo era uma estupidez.
Estavam todos de volta dela a falar com ela. Ninguém pensava que os Volturi nos podiam matar.
Os Volturi odeiam a nossa família desde que eu nasci, por causa da minha espécie, e se agora eles descobrissem isto eles matavam-nos.
- Esta é a nossa filha, ela é semi-vampira, é a Renesmee. – Disse a minha mãe.
Ainda nas escadas desviei o olhar. Dei meia volta e apenas olhei para eles com a cabeça. Bella íamos matar.
- Quando os Volturi nos atacarem eu não vou estar aqui para ver… - Murmurei.
Subi as escadas, agarrei na minha mala e fui-me embora. Não sei porquê mas o Jacob ficou a falar com a humana idiota.
Cheguei a casa, tomei um banho e fui caçar.
Visão Alice Cullen
Sentei-me no sofá, ao pé de Jacob, algo estava a vir á minha mente. Algo, muito em breve, se iria passar com a nossa família.
“ – Com que então Edward namora com uma humana… As mulheres humanas são imprevisíveis. Ela pode contar tudo á imprensa só por um bom dinheiro.” – Disse Aro. – “Vamos fazer-lhes uma visitinha com uns quantos amigos nossos…” – Disse Aro, mais uma vez, rindo-se.
- Carlisle! – Foi a única coisa que consegui fazer.
Visão Renesmee Cullen
- Amor… - Jacob beijou o meu ombro. – Esquece esta situação toda, ok? Eu tenho a certeza que não vai acontecer nada. – O Jacob voltou a beijar-me.
- Ok… - Murmurei. – O ano está quase a acabar… Vamos ter mais tempo só para nós. – Disse eu tentando esquecer aquela Bella.
Hoje, o Jacob parecia muito amigo da tal Bella e, sinceramente, incomodou-me imenso.
- Mas… diz-me. Já conhecias a Bella? – Perguntei-lhe.
- Ah, mais ou menos. A Bella é filho do Charlie, um dos sócios do meu pai. Porquê, princesa? – Perguntou beijando a minha testa.
Ok, isto está cada vez pior. Eu vi como a Bella, por momentos, olhou para o Jacob, eu sou tudo menos idiota!
- Nada… ela só olhou demais para ti, mas tudo bem. – Beijei o Jake.
- Nessie… querida, está tudo bem. Eu amo-te, só a ti. – Jacob pegou na minha mão e conduziu-me até á casa de banho.
Jacob quando pensou em comprar esta casa para nós quis por força instalar um jacuzzi na casa de banho.
Nunca pensei que alguma vez fossemos usar aquele jacuzzi mas desta vez parecia uma boa ideia.
Fui até ao quarto, apanhei o cabelo com um elástico, e despi-me. Enrolei-me numa toalha e fui ter com o Jake.
O Jacob já estava dentro do jacuzzi, sorriu-me e puxou a minha mão para entrar lá dentro. Tirei a toalha e sentei-me ao seu colo.
- Estamos quase de férias do Natal. Eu pensei que podíamos os dois, depois do Natal, podíamos ir para… Paris. A cidade do amor. – Disse o Jake.
- Estás a brincar… - Virei-me para o Jacob e beijei-o.
- Não. Seria injusto não passar o Natal com os nossos pais, por isso marquei as viagens para depois do dia de Natal, o que achas? – Perguntou-me.
- Acho uma óptima ideia! – Mordi o lábio do Jacob e beijei-o, novamente.
No dia seguinte, mais um dia naquela escola horrível, levantei-me e fui tomar um banho. Jacob só tinha estado comigo até á 00:00h a partir de aí tinha uma ronda até tarde.
Depois do tomar o meu banho fui arranjar uma roupa para vestir. Vesti um vestido, umas leggins por baixo dele, calcei umas sabrinas e vesti um casaco por cima.
Quando estava a descer as escadas vi o Jake a chegar a casa. Abracei-me a ele e dei-lhe um beijo.
- Vamos tomar o pequeno-almoço? – Perguntei.
- Vamos. – Disse ele.
Depois disso tudo fui para a escola com o Jake. Quando chegámos á escola os meus irmãos já lá estavam, bastante nervosos.
- O que se passa? – Perguntou o Jacob.
- Volturi. Eles vêm matar a Bella. – Respondeu a Alice. – Também nos querem matar de uma vez e… eles vêm trazer um pequeno exército. – Disse a Alice.
Tivemos de fingir que estava tudo bem. Depois das aulas tivemos uma conversa enorme. Carlisle disse que teríamos de lutar.
- Caso tudo isto mude nós teremos mesmo de lutar. Vai ser uma luta feia, temos de proteger a Bella. – Disse o Carlisle.
- Ela não me é nada! Vamos matar-nos! – Exclamei.
Uma semana depois fui convencida que tinha de entrar naquela luta para conseguir proteger o Jake.
Os Volturi não vieram, apenas algumas tropas do clã. Um vampiro veio na minha direcção com os olhos vermelhos.
O vampiro ia dar-me um soco mas eu abaixei-me. Sem querer caí no chão. O vampiro agarrou em mim e lançou-me contra uma árvore.
A minha cara ficou ferida e as minhas mãos também. O Paul, na forma de lobo, salvou-me. Agarrou no vampiro e começou a destroça-lo.
Ouvi um grito, ou melhor algo a ganir. Era o Jake, um vampiro estava a morde-lo. O Seth foi salvar o Jake enquanto a minha família correu para ele.
Jacob já estava no chão, na forma humana e a, quase, gritar de dor. Tudo isto por causa da Bella!
- Jacob! – Fui a correr para o Jake.
O Emmett agarrou-me e não me deixou passar para ao pé do Jake. Quase uma hora passou e foi só ai que eu pude entrar em casa do Billy para ver o Jake.
- Ele está bem? – Perguntei.
O meu pai olhou-me.
- Querida, o Jake foi mordido e partiu umas quantas costelas. Eu, felizmente, consegui retirar-lhe o veneno mas mesmo assim ele está com muita febre. E temos de tratar de ti. – Disse o meu pai olhando para as minhas feridas.
- Concordo querida. Para tratares do Jake tens de cuidar de ti primeiro. – Disse o Billy.
O meu pai levou-me até a casa dele. Teve que pôr uns pensos rápidos que eram um género de pontos.
A minha mão também estava um pouco magoada por isso teve de me pôr uma ligadura. Saí de casa com o meu pai e fomos então ver do Jacob.
Quando cheguei ao quarto onde estava o Jake a Bella estava ao pé da cama a pedir-lhe desculpa.
Sê simpática, Nessie. – Pensei para mim.
- Oh, olá Nessie. – Disse a Bella.
- Olá… - Murmurou o Jake.

_______________
Olá meninas!
Que tal? Gostaram?
Então comentem, por favor. Já há uns bons dias que nós aqui no blog que não recebemos nenhum comentário :(
Comentem...
Bjs, Melissa

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Christina Ricci diz que R-Pattz beija bem

Estrelando o filme, Bel Ami ao lado do ator, Robert Pattinson . Christina Ricci disse no programa de televisão The Rachael Ray Show que o galã beija muito bem ."Ele tambem é um ser humano adoravel" , completou Ricci .

A atriz , porem , negou que tenha algum envolvimento amoroso com Pattinson e que o vê como um "irmãozinho" . "Ele é muito engraçado e adora fazer piadas dele mesmo" , contou .

Feliz Natal

Olá meninas!
Bem, primeiro, eu queria dizer que o blog irá ficar parado dia: 23, 24, 25 e 26 devido ao Natal. Eu, pelo menos, virei pouco ao blog durante esses dias.
Por isso vim desejar um Feliz Natal com muitas Jacob-Prendas e um Próspero Ano Novo, é sempre bom começar bem o ano, e umas boas férias :)
Bjs, Melissa!

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Horário de "I Fell For You"

Bom eu que posto "l fell for you".
bem aqui vai o Horário que vou postar a fanfic ok
-Sexta
-Sábado
-domingo.
bom então ate mais ok beijos Danny.

domingo, 19 de dezembro de 2010

3° Capitulo de "l fell for you"

3° Capitulo de "l fell for you"

- Eliza
Bom para tirar minha duvida fui pesquisar na Internet.
“bruxas são poderosas,podem matar um vampiro só por ele ter a tocado pois vocês são inimigos naturais”.em outro parágrafo estava “seus poderes são maiores quando completão 23 anos,depois que completão essa idade podem ate ressuscitar uma pessoa ou um vampiro”.
Bom isso esta me assustando será que é verde essa historia de lobos da minha mãe e bruxas do meu pai ? e vampiros eles existem mesmo? .
-Renesmee
Bem hoje foi tudo a mesma coisa.Estávamos perto do natal então nevava muito em Forks,faltava 6 dias para o Natal e bom nada mudou muito.Quando cheguei vi minha família reunida e estranhei pois ela não fazia isso com muita frequência.
-mas resolvemos fazer hoje-falou meu pai lendo meus pensamentos
-Que bom-falei
Subi para meu quarto cheguei lá e fui direto tomar banho ouvi alguém subir e quando vi era minha mãe
-Que foi mãe?-perguntei
-Tem alguém que quer te ver-falou
Desci as escadas correndo e então vi o Jake faz tempo que eu não o via eu estava morrendo de saudades dele fui abraça-lo.
-Oi Nessie-falou me abraçando
-Oi Jake que saudades suas-falei
-Como vai minha ruivinha?-perguntou
-Bem-falei
Ele ficou falando das aventuras que teve com sua alcateia e tudo mais eu não prestei muita atenção.eu estava feliz demais por ele estar ali perto de mim que não liguei muito.
-então como foi seus anos sem mim?-perguntou
Estiquei a mão e toquei seu rosto para mostrar o que eu fiz durante 2 anos que ele esteve fora, bom não foi muita coisa.
-nossa como você ficou entediada-falou
-bem estou cansada-falei
-tudo bem vou embora-falou
-ta,mais você volta amanha?-perguntei
-sim claro-falou
Peguei sua mão e segurei.
-promete?-falei
-prometo-falou me deu um beijo na testa e foi embora.Subi pra meu quarto afim de dormir,nem escrever em meu diário eu escrevi.

-Embry
Acordei feliz.Senti cheiro de café da manhã e logo pulei da cama.
-Oi mãe-falei
-Oi filho-falou
Minha mãe é uma Makah.já meu misterioso pai e Quileute,ninguém comenta muito sobre esse assunto.
-Então...vai deixar a Eliza trabalhar lá?-perguntei
-Não sei,por que?gostou dela?-perguntou
Minha mãe acha que o que tenho de errado era rebeldia.Eu fico permanentemente de castigo pelas fugas frequentes,mas não tem muito o que eu possa fazer.O Jake já falou com o Sam para me dar uma folga,mais eu disse que não ligava o segredo era mais importante.
-Não,quer dizer sei lá mãe-falei
-Hmmm parece que gosta da garota-falou
-O QUE?!-gritei
-isso mesmo que você ouviu-falou
-Tá,você me pegou-falei-chamei ela para sair
-Serio?,que bom vamos ver se você para de ser tão rebelde-falou-quando?
-O que?-falei
-vocês vão sair-falou
-a sim hoje-falei
-Hum ta bom-falou
-E a Eliza vai trabalhar lá?-perguntei
-sim claro ela pode trabalhar,agora tenho que ir-falou e saiu

Comentem ok beijos Danny

Reese Witherspoon compara R-Pattz a DiCaprio

Reese Witherspoon continua rasgando elogios ao nosso querido Santo Pattz . Depois de afirmar que o astro de Crepusculo , com quem protagonizou o longa Water For Elephants , é muito , muito bonito a estrela de Legalmente Loira continuou elevando a auto-estima do ator .

Em entrevista ao site da MTV norte-americana , a atriz compara Pattinson , dizendo ser o galã 2000 , a Leonardo DiCaprio que foi na decada de 1990 .

- A unica coisa que posso compara-lo é em Leo em Titanic . Era esse tipo de fervor que acontecia com Léo . A quantidade de mulheres que o esperavam no set era inacreditavel , elas ficavam ate as 5 da manhã somente para ve-lo .

Reese não parou por aí . A atriz alem de reafirmar que Robert é lindo , ainda falou sobre seu carater .

- Ele é extremamente atraente . Eu não vou mentir . Rob é um grande cara de uma grande familia . Isso é a coisa engraçada . Ele não é realmente esse bad-boy , é apenas um homem que trabalhou duro em Wather Of Elephants .

Love Me, Capítulo 6


Capítulo 6
Visão Renesmee Cullen

- O Jacob?! – Perguntei á porta de casa dos Cullen.
- Calma, Nessie. – Pediu o Carlisle. – Ele está… em coma. – Disse o Carlisle.
O meu mundo caiu, literalmente. Jacob estava em coma e poderia morrer, poderia não resistir ao veneno que estava no corpo dele.
- Eu tentei retirar todo o veneno mas ainda ficou lá um pouco. O Jacob agora tem muita febre por isso tens de te acalmar para ele se acalmar mesmo em coma as pessoas sentem as coisas. – Disse o Carlisle.
Olhei para o Billy. Ele tinha uma expressão abatida assim como a Rachel. O meu mundo estava, completamente, virado ao contrário.
Os dias foram passando e Jacob não acordava por nada! Por vezes pensei que Jacob iria ficar assim para sempre…
Tantas preocupações estavam a deixar num estado deplorável. Doía-me a cabeça, sentia-me enjoada… Enfim, muitas vezes nem comer conseguia.
Algumas comidas, até, faziam-me enjoos! O meu corpo estava, completamente, descontrolado. Umas vezes apetecia-me comer, e outras apetecia-me vomitar.
- Tens fome? – Perguntou a Rose.
- Não, sinto-me mal. – Disse eu passando a mão pela barriga.
- Estás grávida. – Disse ela do nada.
HÃ?! GRÁVIDA?! Nos sonhos dela, só pode! Eu, tecnicamente, sou uma vampira completa, para além de parte de mim ser humana, e ao ser, também, vampira eu não posso conceber um bebé assim do nada.
- Rosalie, tu deves andar bêbeda, não? – Fui estúpida, penso eu.
- Não, por acaso não mas a Alice já teve uma visão que envolvia um bebé na família e, neste momento, só tu tens capacidade para isso. O Jake não, mas tu sim. – Disse a Rose.
- Achas? – Aquela ideia de me estar grávida começou a subir-me á cabeça.
Com esta conversa da Rosalie eu esta um pouco… entusiasmada. E se havia essa expectativa então que queria, de certeza, saber a verdade.
- Rose podes…? – A Rosalie interrompeu-me.
- Adiantei-me. – Foi á cozinha. – Escondi isto do teu pai. Mas podes tentar fazer o teste e depois logo se vê. – Disse a Rose dando-me para a mão o teste de gravidez.
Acho que a Rose estava um pouco desiludida com esta história mas…será que também vou ficar desiludida?!
- Boa-sorte. – Rosalie piscou-me o olho enquanto subia as escadas.
Suspirei e fui em direcção á casa de banho. Dez minutos depois, Alice e Rosalie já estavam ao pé de mim curiosas.
- Vá! Quero começar a preparar as coisinhas dela. – Disse a Alice.
- Dela? – Perguntei.
- Sim, dela! Eu é que tenho as visões aqui, não são vocês. Eu previ que é uma menina. – Disse Alice. – E tenho a certeza que o Jacob não sabe fazer rapazes. – Concluiu Alice.
Dei uma risada e tirei a mão de cima do resultado do teste de gravidez. “Positivo”. Era o que dizia aquela…coisa.
Alice levantou-se rapidamente do sofá e começou aos gritos. Agarrou nas mãos da Rosalie e puxou-a, começou a pular e a puxar a Rose para pular com ela.
- Parabéns. – A Rosalie sorriu-me.
- Obrigada. Quem me dera é que o Jake soubesse…. – Murmurei a última parte.
- Vais ver que ele vai acordar… tenho a certeza. – Disse a Alice.
De noite, depois de contar tudo á minha família (o meu pai não gostou muito da ideia) fui ver do Jacob. Carlisle e Billy estavam lá enfiados á tempo demais e eu queria saber se podia beber café estando grávida.
- Carlisle? – Virei-me de costas para fechar a porta. – Posso beber café, mesmo grávida? – Perguntei.
Vi uma cabeça a levantar, era o Jacob. Ele olhou para mim e deitou-se, por completo, na maca onde estava deitado.
- Nós deixamos-vos sozinhos. – Disse o Carlisle.
O Carlisle e o Billy deixaram-nos sozinhos. Eu não sabia o que dizer ao Jacob nem muito menos como ele iria reagir. Afinal responsabilidades não são coisa que agrade os homens.
- Conta… - Pediu o Jake.
- Adivinha: estou grávida, giro não é? – Perguntei.
- Óptimo. – O Jacob sorriu-me.
- A sério? – Perguntei-lhe incrédula.
- Sim! Vou ser pai. – Fez uma pausa. – Vai ser muito bom…
O que posso dizer? Tenho um marido fantástico. Uma família fantástica (não gosto muito dos lobos) mas eles até são simpáticos.
Enfim a minha vida está… mil e uma vezes melhor, o Jake ao pé de mim… o nosso bebé, ou a nossa bebé como perveu a Alice.


___________________
Bem, como disse esta fanfic ia ser muito pequenina e bem... este é o último capítulo...
Espero que tenham gostado mesmo que ela tenha sido pequena...
Bjs, Melissa

sábado, 18 de dezembro de 2010

2° capitulo de"l fell for you"

Oiee bom a pedido de uma pessoa especial,vou colocar capitulos mais longos ok beijos Danny e comentem.

-Renesmee

-Nessie-chamou a Sra Call
-sim?-falei
-vou sair tenho que ir no mercado-falou
-ah siim eu cuido da loja-falei
Bom ai esta uma boa oportunidade de pegar o numero dela,bom talvez não seja tão dificío assim pegar o numero.O curriculo estava no balcão.
Corri e peguei o numero ouvi alguém abrir a porta,ah que susto era o Embry.
-Que susto Embry-falei
-desculpa,então pegou o numero?-perguntou animado
-sim-entreguei para ele
-muito muito obrigado mesmo nessie-falou
-de nada-falei
-tchau-falou
-tchau-falei

-Eliza

O telefone tocou.Eu moro sozinha em uma casa na entrada de Forks.mais nem sempre morei lá,eu e minha mãe éramos de uma pequena tribo chamada "Makah" ,sai de lá faz 17 anos,eu agora tenho 22 anos.minha mãe morreu e meu pai continua lá. Fui atender o telefone.
-"Alo?"-falei
-"Oi"-falou uma voz de homem
-"Quem é ?"-falei
-"sou o menino que você esbarrou "-falou
-"ah sim me desculpe por aquilo"-falei
-"Só se você aceitar sair comigo?"-falou
-"Ta tudo bem"-falei
-"Amanhã?"
-" siim claro, é sabado"
-" Tá então tchau"
-" tchau"
desliguei o Telefone e fui tomar banho um longo banho.ate que percebi que tinha que sair bem eu estava com fome então desci na cozinha e comi um lanche.Em quanto comia lembrei da ultima conversa que tive com minha mãe.
"mãe para com isso eu não sou loba"-falei
"então é o que?"falou me olhando
"não sei" falei. peguei e subi para meu quarto
Ela saiu para trabalhar em Forks mais nunca mais volto.Ela sofreu um acidente de carro,o carro explodiu e ela estava dentro dele.ate hoje sinto falta dela.
Desde quando eu era pequena minha mãe me chmava de loba,pois eu movia as coisas.Minha mãe nao é Makah ela é quileute.Já meu pai acha que sou uma bruxa.
Fiquei em duvida o que sera que eu sou exatamente?uma bruxa? ou uma loba?


por favor comentem =) beijos Danny

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

1° capitulo de"l fell for you"

-Renesmee
estou sozinha novamente,minha mãe esta em sua pequena loja com a tia Alice, Rosilie e tio Emmett viajaram de novo e o tio Jasper treina sozinho na campina o Jacob vive cuidando da matilha e eu trabalho na pequena loja da mãe do Embry fica perto de La push.É bom trabalhar lá,só eu e a mãe do Embry,na verdade era meio desagradável,queria alguém da minha idade para conversar sobre coisas da minha idade.
Peguei minhas coisas e fui para a loja da mãe do Embry.cheguei a mãe do Embry já estava lá
-Oi -falei
-Oi-falou
fui organizar as coisas na prateleira foi quando vi uma menina entrar,ela era linda com cebelos castanhos e emrolados e era meio banca.
-Oi-falou
-Olá-respondeu a Sra call
-bom,trouxe meu curriculo,caso tenha uma vaga aqui -falou com um sorriso nos lábios
-ah claro vou dar uma olhada ta bom?- falou a Sra Call
-sim volto amanhã-falou e foi saindo e o Embry entrando ela sem querer esbarrou nele eles ficaram se olhando por um bom tempo ate que ela falo:
-me desculpe-falou-você esta bem?
-hum... sim,não foi nada-falou Embry
-ta tchal-falou saindo
e ele ficou olhando pra ela ate ela desaparecer
-Oi filho -falou a mãe dele para chamar a sua atenção
-Oi mãe-falou meio bobão
-vejo que já conheceu a Eliza-falou a mae dele
-Eliza?,sim,oque ela queria?-perguntou
-trabalho,vou pesar precisamos mesmo de alguém-falou Sra Call
-sei-falou Embry
Nossa uma menina nova e com a minha idade é perfeito.Queria ela aqui bom seria ótimo alguém com quem conversar aqui.
-Oi Renesmee-falou Embry
-Oi Embry-falei
-Sabe Nessie você é uma ótima amiga-falou
-fala o que você quer logo Embry-falei
-tá,quero que você pegue o numero dela
-O QUE?!
-é isso mesmo
-e como é que vou fazer isso?-falei
-pega o curriculo lá vai ter o numero-falou
-ta legal eu pego-falei
-obrigado Nessiee ,você é demais-me abraçou e saiu agora como é que vou fazer isso?

Gostaram comentem por favor =) beeijos Danny.

Capa("l fell for you")

Personagens:
Emma Roberts: Renesmee cullen(meia-vampira)
Taylor Lutner: Jacob black(lobo)
Kiowa Gordon: Embry call(lobo)
Demi lovato:Elisa Mason(bruxa)
hayden paniettiere:Megan (humana, amiga de Renesmee)
Booboo stewart:seth clearwater(lobo)

Emma Roberts é Team Jacob


A atriz Emma Roberts, sobrinha da estrela Julia Roberts, contou ao galã da saga Crepúsculo Robert Pattinson que ele prefere o Team Jacob do que o Team Edward. Os dois participavam do programa The Tonight Show with Jay Leno.

Roberts revelou sua preferência após o apresentador pergunta por qual time ela torcia. "Bem, você sabe. Eu tenho que dizer que sou Team Jacob", comentou. Em seguida virou para Pattinson e disse: "Seu cabelo é ótimo pessoalmente, mas tenho que dizer que sou Team Jacob. Desculpe".

Pattinson, que recentemente brincou que era "muito competitivo" com Taylor Lautner, não perdeu tempo e respondeu na cara: "Você acaba de revelar seu absoluto mau gosto".


xii isso vai dar o que falar, não acham? bom beijos Danny e comentem =)

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Kristen irá ao People Choice Awards !

Com Eclipse concorrendo aos principais premios no People Choice Awards , muitos estão se perguntando quem do incrivel elenco estara lá para representa-los, ja que todos estão filmando Breaking Dawn em Louisiana .

Bem, acabei de saber , pelo site Robsten.com que uma das estrelas que estarão na badalada premiação será ... Kristen Stewart !
E tenho certeza que mais pessoas do elenco irão comparecer .
Outra fonte proxima da organização da premiação disse : "Ate agora agora está confirmada a presença de nossa mais jovem estrela favorita ."
O People Choice Awards será no dia 5 de Janeiro , em Los Angeles .
O elenco provavelmente não estara filmando Breaking Dawn durante o Natal , mas duvidamos de que K-Stew tenha uma folga muito grande como a do ano passado .
Lembram-se da foto com a Mama Pattz e o Papa Pattz no Natal do ano passado quando ela passou seu tempo livre com seu namorado Robert Pattinson ? Os dois passaram o Ano Novo juntos na Isle of Wight .
Não vi nada sobre um possivel comparecimento de Rob no People Choice Awards , mas os manterei informados .

fotos

Oiee como vai vocês?,bom primeiro quero pedir desculpas a Melissa pois não estou postando muito
e segundo logo postarei a nova fanfic.
bom achei essas imagens será que são mesmo de amanhecer ?
bom comentem beijos Danny

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

K-Stew e R-Pattz pretendem formar família

Os boatos de que Kris Stewart e Rob Pattison iriam se casar deram lugar para o de que o casal está planejando iniciar uma familia (isso mesmo com filhos e tudo!) .

De acordo com o Entertanment Wise , a revista Now afirma que os dois querem ter filhos . Uma fonte teria dito a publicação que eles querem ter um filho enquanto ainda são jovens , e que os boatos de que Kristen estaria gravida no começo do ano fizeram os dois pensarem mais sobre o assunto .

Imaginem que fofo seria o filho dos dois !

Love Me, Capítulo 5



Capítulo 5 –
Visão Renesmee Cullen
Agora, e finalmente, já estávamos fora da Torre. Apenas Seth tinha uns arranhões mas nada que desse grande motivo de preocupação.
- Idiota! – Dei uma estalada enorme ao Jake.
- Bates-te porquê? – Perguntou-me.
- Porque és a coisa mais idiota que já na minha vida, estúpido! – Gritei-lhe. Deixaram-nos sozinhos no quarto do hotel do Jake.
- O que é que te fiz? – Perguntou-me.
- Tudo! – Comecei a chorar. – Primeiro, dizes que me amas para sempre e depois mudas de ideias e dizes que já não me amas, sabendo que eu te amo! – Gritei.
Senti que o Jake gelou, completamente. Talvez ele não espera-se aquilo de mim, esta tamanha sinceridade para com ele!
Saí do quarto rapidamente quase a chorar, desta vez, só quero ser amiga do Jake. Melhor amiga, apenas isso!
Uma semana passou e digamos que as coisas estavam… paradas. Estava quase a chegar o baile de inverno e eu tinha decidido que não iria a esse baile idiota.
Depois da tempestade vem a bonança e é bem verdade. Parece que não mas a Alice não me chateou para eu ir aquele estúpido baile, o Jake percebeu a minha parte e estamos melhores amigos.
*Três anos depois*
Três anos passaram muito rápido, talvez rápido demais.
Parece, completamente, idiota mas… eu e o Jacob casámos. Parece algo surreal. Algo surreal é o Carlisle ter deixado a Alice e a Rosalie abrir uma loja em Por Angeles.
Comecei a pensar, seriamente, e decidi também fazer parte daquele “staff” de vampiros. O Jake, quando eu há uns anos me mudei para o Alasca, ele tinha uma oficina de carros, com os amigos, como tanto gosta.
Visão Alice Cullen
Estava a falar com a Bella quando a minha mente foi parar a um sítio completamente diferente. A minha mente foi parar ao futuro.
Aro estava sentado no seu “trono” enquanto Caius andava às voltas. Nahuel tinha, também, uma cadeira só para si com um símbolo atribuído a si.
“- Vocês sabem os problemas que iríamos ter se houvesse mais uma aberração naquela família.” – Disse Nahuel.
“- Sabemos sim, meu caro. Daí querer livrar-me deles o mais rápido possível.” – Disse Aro.
“- Também concordo com Nahuel. Mas não será um pouco demais matar todos… Naquela família, e nos lobos, há muito amor, eu que o diga.” – Disse Marcus.
Aro levantou-se da sua cadeira e parou Caius que andava de um lado para o outro. Nahuel esticou-se na cadeira. Abriu a boca para falar mas Aro mandou-o calar.
“- Acho melhor trazer o “exército… Vamos lá acabar com aquela família.” – Disse Aro.
- EDWARD! – EDWARD!
Gritei duas vezes pelo Edward, uma vez de forma verbal e outra, bastante alto, pela mente. Edward saiu da cozinha com a mão na cabeça.
- Por favor, não grites assim… - Pediu.
- Alice? Tiveste uma visão…? – Perguntou Bella a medo.
- Tive, e é muito grave e não estou a brincar. – Disse eu.
Visão Renesmee Cullen
Senti os lábios quentes e macios do Jacob nos meus. Jacob puxou-me e fez-me deitar-me em cima do seu copo nu e quente.
Pus a cabeça no seu peito quente, Jacob puxou os lençóis para cima. Como eu amo o amor da minha vida…
Pus o queixo em cima do peito do Jake e olhei-o. Jacob tinha estado fora uma semana, com os lobos, e eu estava cheia de saudades.
- Tive imensas saudades tuas. – Beijei o peito do Jake. – E tu? – Perguntei.
Jacob pôs as mãos atrás da cabeça, encheu o peito de ar e olhou-me.
- Depende… Se me beijares mais uma vez então quase morri. – Respondeu.
Quando ia a beijar o Jacob o telemóvel tocou. Jacob apenas tocou nos meus lábios com os seus e atendeu o telemóvel.
- Sim? Não, estava a matar saudades da Nessie, porquê? – Jacob fez uma pausa. – O quê? Não, nós vamos já para aí. – Disse o Jacob.
Jacob saiu da cama e começou a vestir-me.
- O que se passou, amor? – Perguntei.
- Veste-te já! – Exclamou.
Vesti-me e fomos os dois, muito rápido, para casa dos Cullen. Jacob apenas me disse que era tudo um assunto muito sério, mais nada.
Jacob deixou-me na dúvida, sem dizer-me nada do que se passava. Há uns anos o meu pai ensinou-me a ler mentes, por causa do meu poder, e eu consegui ler mentes.
Cada dia o meu pai treinava-me cada vez mais, por isso, consegui aceder às mentes das pessoas. Consigo ler e sentir algumas coisas como: satisfação, alegria e tristeza e, também, alguma preocupação.
Agora, na mente do Jacob há preocupação demais e eu não consigo ler, ou perceber, absolutamente nada…
Quando chegámos a casa dos Cullen estavam todos reunidos. Até os lobos. A situação parecia tensa, as mentes estavam misturadas demais, daí eu não conseguir ouvir nada.
- O que se passa?! – Perguntou o Jacob.
- Tive uma visão dos Volturi. Nahuel juntou-se aos Volturi e convenceu a criar um pequeno exército, como a Victoria fez, para nos destruir. Eles sabiam que éramos numerosos demais, ainda mais, com os lobos. Mas com vampiros treinados pelos Volturi nós seremos resumidos a pó. – Disse a Alice.
O meu coração parou, literalmente. Nunca pensei que isto fosse um assunto tão delicado e perigoso. Será que os Volturi não morrem?
Deixei-me cair em cima do sofá, ao lado de Jasper.
- Porque é que ninguém os mata? – Olharam todos para mim relembrando o que se tinha passado á uns anos atrás. – Esqueçam! – Pedi.
- Isto é grave, temos de começar por tirar pessoas da cidade. – Disse o Sam.
- Já sei! Da última vez, quando isto aconteceu comigo, o Billy foi pescar com o Charlie. – Disse a Bella.
- Não te esqueças que o Charlie agora é casado com a minha mãe. Ele não vai sair assim do nada da cidade, não sem levar a minha mãe. – Disse o Seth.
- Tens razão Seth. Temos de os mandar numas pequenas férias. – Disse Carlisle.
O avô Charlie sabia dos nossos segredos, por isso seria difícil explicar o que se iria suceder. Sinceramente, eu estou cheia de receio…
- Sim, mas nós não sabemos quantos eles são. Eles são Volturi! – Exclamei. – Precisamos de uma táctica, precisamos de reforços, precisamos de imensas coisas e desta vez somos só nós. – Disse eu.
- Nós ponto e vírgula. Nós, tu não. – Disse o Jake.
- Jacob… vamos precisar da Renesmee… - Disse o meu pai.
Houve uma discussão enorme, e eu decidi que queria entrar naquela batalha. Decidiram que no dia seguinte íamo-nos reunir, novamente, na casa dos Cullen para uma táctica nova.
Uma semana depois, á hora de almoço, estávamos frente a frente aos Volturi e ao pequeno exército de vampiros.
Visão Jacob Black
A minha única preocupação era Renesmee. Onde Renesmee estava no fim de aquilo tudo. Posso dizer que a nossa “missão” foi bem sucedida.
Os Volturi, com certeza, que subestimaram o que podemos fazer juntos. Vi a Nessie sentada no chão com a mão no braço.
Ainda na forma de lobos fui ter com elas mas… não sei o que aconteceu. Apenas senti alguma coisa a agarrar a minha perna e a começar a despedaçar alguns dos meus ossos.
A Renesmee começou a correr para mim mas Edward agarrou-a e veio a correr para mim.

_________________________
Bem, meninas apenas posso dizer que esta fanfic está quase a acabar. Eu sempre pensei que seria uma fanfic pequena.
Amanhã será postado o último capítulo... Mas sempre têm o Solestício para ler :)
Bjs, Melissa

Video Jacob e Renesmee By Melissa

Olá, meninas!
Eu fiz esse pequeno video, a letra é mais ou menos o que o Jake pensa da Nessie.
Espero que tenham gostado :)
Comentem!
Bjs, Melissa

Solestício, Capítulo 1


Capítulo 1
Visão Renesmee Cullen


Sou diferente. Bastante diferente. A minha família é uma família repleta de vampiros: Edward Cullen, Rosalie Cullen, Emmett Cullen, o idiota, Alice Cullen e Jasper Cullen.
Estes são os meus irmãos. O Emmett é muito brincalhão, a Rosalie mais séria, a Alice adora moda, e o Edward, assim como Jasper, muito reservado.
Quando nasci a minha mãe era uma humana e o meu pai um vampiro. Com esta junção eu saí metade vampiro metade humana.
Eu cresci bastante depressa, tenho 23 anos de vida mas a minha aparência é de uma rapariga de 19 anos.
Os meus pais, Esme Cullen e Carlisle Cullen, é que fundaram o clã da nossa família. Transformaram, primeiro, o Edward quando estava a morrer, depois a Alice e Rosalie e as raparigas encontraram os rapazes quase a morrer e, apaixonadas, transformaram-nos.
Até á mais ou menos, quatro anos, eu não sabia o que era amar até surgir uma nova espécie, os lobos.
Aí conheci o Jacob. Jacob teve a impressão natural por mim e bem, acho que dá para ver tudo.
Eu e ele começámos a namorar, os meus irmãos odiaram isso por o Jake ser um lobo, Alpha da alcateia, mas tudo começou bem e acabou em casamento.
Mesmo assim, e apesar de todos os meus irmãos, menos Edward, serem casados ainda temos de manter a fachada de: somos humanos.
Para manter esta mentira temos de ir á escola como todos os humanos. Pior é para os meus irmãos que já repetiram o secundário várias vezes…
A minha relação com o Jake nem sempre foi… boa. Quando o conheci estava no Liceu de Forks e era nova aqui.
Primeiro o Jacob, simplesmente, odiou-me por eu ser uma vampira. A partir daí comecei a gostar dele por isso, às vezes, perdia mais tempo de manhã a vestir uma roupa para o impressionar ou andava a correr pelos corredores para ficar mais perto dele…
Agora, estávamos na escola. Como sempre cheia de humanos. A Rosalie olhou para o Emmett, que estava a falar com os lobos, e revirou os olhos.
- Vá, Rose, não sejas assim. – Pediu Edward. – Há uma miúda nova á qual nem consigo ler a mente e ela não para de olhar para aqui, isso é bem mais preocupante. – Disse Edward.
- Eu sou simpática, eu vou falar com ela. – Disse eu.
- Ela pode ter descoberto algo. – Disse a Alice. – Com os lobos aqui não consigo ver nada. – Disse a Alice.
- Eu vou falar com ela, e ser simpática, por isso comportem-se como humanos, ok? – Perguntei.
Saí da mesa onde estávamos sempre e fui ter com a tal rapariga. Ele estava sozinha, numa mesa, a ler um livro e a ouvir música.
- Olá! Chamo-me Renesmee, e tu? – Perguntei-lhe enquanto me sentava na cadeira ao seu lado.
- Oh. Olá, sou a Isabella, Bella só. – Respondeu.
- Hum… nome giro! – Tentei ter…19 anos.
- Aquele rapaz é teu irmão… - Perguntou olhando para Edward.
Olhei para o Edward e olhei para a rapariga de novo. Bella tinha uma pele bastante pálida, uns lábios vermelhos, e uns olhos cor-de-chocolate.
Era pálida demais para uma rapariga que vivia no Arizona. Mas… na verdade, ela não me cheirava nada a vampira.
- É… - Respondi. – Mas se gostas… - Uma rapariga interrompeu-me.
Era a Madisson, a rapariga mais mimada daquela escola inútil. Sabia tudo da vida de toda a gente e só andava com as pessoas por interesse.
Olhou-me de alto a baixo. Olhei para mim, estava perfeitamente normal, umas jeans apertadas, unas sapatos de salto alto e um top com um casaco de couro por cima.
- E sabem que mais? O Edward não tem namorada, ele é muito giro mas, aparentemente, ninguém é suficientemente bom para ele. Mesmo assim, eu ontem tive a espiá-lo. – Disse a Madisson sentando-se ao meu lado.
A Madisson é: irritante, fútil, sabe a vida de toda a gente, infantil, mete-se com todos os rapazes, é uma cobra e só sabe usar as pessoas.
E aquela cobra ainda por cima andou a espiar o meu irmão! O que é que ela pensa que é?! Madisson começou com as teorias dela sobre o meu irmão, começou, também, com aquelas coisas idiotas, as conversas pouco produtivas!
- CALA-TE! – Dei um grito enorme. Senti que toda a gente que estava naquele refeitório me ouviu gritar. – POR FAVOR CALA-TE TU NÃO DIZES NADA DE JEITO, ÉS UMA CRIANÇA IRRITANTE, IDIOTA, E ANDAS A ESPIAR O MEU IRMÃO?! – Gritei.
- Desculpa lá, mas porque é que estás assim a gritar?! – Perguntou-me.
- PORQUE ÉS TÃO CRIANÇA! – Fartei-me de gritar imenso e no fim aqueles miúdos idiotas ainda estavam a olhar como se não tivessem vida. – VÁ QUEREM OLHAR MAIS?! MENTAM-SE NA VOSSA VIDA, OU ARRANJEM UMA! – Gritei.
Saí do refeitório e fui directa á sala de aula mais próxima. Senti que o Jacob vinha a correr atrás de mim.
- Ainda disses-te que querias ser simpática com ela… - Disse o Jacob atrás de mim.
Parei de repente e senti que Jacob deu logo dois passos para trás. Virei-me de frente para ele e tentei não gritar.
- A sério, eu tentei mas estas miúdas só sabem pensar é em rapazes. – Respondi suspirando.
O Jacob abraçou-me e começou a beijar o meu pescoço de uma forma que me fez ficar com arrepios na espinha.
Senti a minha respiração ficar mais ofegante, o Jake tem este efeito em mim, às vezes ele devia ficar quieto.
- Meu amor, guarda esse fogo todo para quando chegar-mos a casa. – Sorri-lhe.
A aulas acabaram um pouco mais cedo que o normal. Edward não quis ir para casa, quis ir atrás daquela rapariga Bella.
Estávamos todos reunidos, lobos e vampiros, em casa dos meus pais para resolver este problema da humana que o Edward gosta.
Eu sou metade humana mas os humanos são imensamente mentirosos. Não somos aqueles horrendos bichos de que eles falam.
Aliás em nós há bastante luxúria. Sentei-me ao colo do Jake no sofá quanto ele me deixa beijinhos na mão.
- Não sei porque se preocupam tanto… - Disse a minha mãe, Esme.
- Mãe, isto não é sobre ti nem sobre mim, é sobre a família. – Disse eu. – Queres problemas com os Volturi de novo? – Perguntei.
- Não mas… - Quando a minha mãe ia acabar de falar o Edward entrou com a nova rapariga.
_____________________
Então gostaram?
Comentem, por favor!
Bjs, Melissa

Livro de Renesmee

Gente vou parar de postar a fanfic livro de Renesmee,bom vou começar a postar outra fanfic
se chama"l fell for you"(me apaixonei por você).
espero que gostem ok beijos Danny.

Voltei :D

Bom nem tanto mais voltei :D, como eu disse estou viajando mais estou encontrando um tempinho para entrar na internet e postar, bom tristemente triste tenho que dizer que eu não sei se vou poder continuar a minha Fanfic Paixão Inesperada, porque eu perdi muitos capítulos apagando o meu Blog onde eu também postava a fanfic, por isso ainda vou pensar se vou poder continuar a escrever a fanfic :/ Bom espero q vcs não fiquem tristes se eu não a postar mais.... Mais é só isso!
Bjos e eu volto um dia desses.
Jovanna

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Ashley Greene e Joe Jonas vão à festa do filme de Kellan Lutz

Asley levou o namorado para prestigiar Lutz , seu colega de 'Crepusculo' no seu filme 'Meskada'

Ashley Greene e o namorado Joe Jonas foram dar uma força para Kellan Lutz na festa que rolou depois da estreia de 'Meskada' , em Los Angeles . Joe entrou de mãos dadas a Ashley que é colega de elenco com Kellan Lutz .

R-Pattz queria ser um Rapper quando era criança

Sucesso como o vampiro Edward Cullen da Saga Twillght , R-Pattz revelou que queria ser Rapper quando criança . As informações são do site Perez Hilton .

"Quer saber um segredo ? Eu tenho uma coleção de fitas minhas fazendo rimas . Queria ser Rapper . São centenas de fitas" . Declarou .

Pattinson disse ainda que era fã de Eminen . "Quando ele apareceu eu tinha 12 anos e era fanatico pelo album Slim Shady . Acho ele um gênio" . Afirmou .

"A maioria das minhas rimas eram roubadas de outras pessoas . Eram todas como : 'eu fui criado nas ruas' o que era uma farsa pois . Fui criado em Barnes , uma area muito legal de Londres" . Completou o ator .

Presente de Natal para os Cullen


Muito bem se querem dar um presente de Natal aos Cullen eu aconselho que seja a imagem aqui em cima.
Tenho a certeza que eles iriam agradecer. Não acham?
Bjs, Melissa

Solestício, Prólogo + Personagens

Prólogo:

Não vou fazer prólogo, apenas vou dizer-vos e falar-vos um pouco sobre a minha ideia sobre esta fanfic.
Eu pensei fazer uma fanfic em que as personagens estivessem mais… misturadas. É uma fanfic bastante diferente.
A fanfic, parece, mas não se vai basear só em Edward e Bella, vai ser o começo do amor deles, vou fazer algumas coisas iguais a Eclipse, Lua Nove e Twilight mas vai haver várias coisas novas.
Os Cullen e os lobos andam na escola para ninguém descobrir dos segredos, acho que vai ser uma fanfic gira!

Renesmee Cullen – Renesmee Cullen, ou Nessie como Jacob lhe chama, é uma semi-vampira filha de Esme Cullen e Carlisle Cullen. Esme engravidou de Renesmee quando era humana e daí nasceu uma filha semi-vampira. Renesmee tem 23 anos de vida mas a sua aparência é de uma rapariga de 19 anos. Renesmee é casada com Jacob Black, um lobisomem Alpha da sua alcateia. Jacob teve a impressão natural por Renesmee. Renesmee tem como irmãs “adoptivas” Rosalie Cullen, Alice Cullen, Emmett Cullen, Jasper Hale e Edward Cullen. Quando Edward começa a namorar com Bella, a humana, Renesmee é a primeira a ficar contra o namoro sabendo as consequências de tal. Renesmee consegue transmitir pensamentos, sentimentos e muito mais com o toque. Renesmee, com Edward que lê mentes, aprendeu a dominar um pouco essa área mas só consegue ler uma mente de cada vez.



Jacob Black – Jacob Black, filho de Billy Black e Sarah Black. Tem duas irmãs, Rebecca Black e Rachel Black, Rachel é casada com o melhor amigo de Jacob, Paul.
É um lobo, alpha da sua alcateia, e casado com Renesmee. Jacob tem uma personalidade muito forte de distinta de todos os membros da alcateia.
Jacob é o único lobo que teve uma impressão natural, amor eterno, por uma semi-vampira, Renesmee. Para além de ser Alpha, Jacob gere com o seu pai uma multinacional, uma empresa de uma conceituada marca de carros.
Quando Edward anuncia, aos lobos e aos vampiros, que namora com uma humana Jacob é o primeiro a apoiar o namoro pois sabe como é amar uma pessoa que não seja da sua “espécie”.

Edward Cullen – Edward, também, é irmão de Renesmee e filho de Carlisle e Esme.

Edward conhece no Liceu uma rapariga muito misteriosa, Bella, e tenta estabelecer logo uma relação, só de amizade com ela, quando descobre que gosta dela, apenas, se tenta afastar mas esta não deixa.

Sempre guiado pelos conselhos de Renesmee, Edward pensa em desistir mas é aí que Bella descobre os segredos da família.

Edward tem um dom parecido com o de Renesmee, consegue ler mentes.


Bella Swan – Uma rapariga simples, com alguns medos e inseguranças apaixona-se por uma pessoa invulgar: Edward Cullen. Quando estes começam a namorar, Bella, conhece a família de Edward que apenas Esme e Carlisle concordam com a relação.


Alice Cullen – Alice Cullen é uma vampira. Filha adoptiva de Carlisle Cullen e Esme Cullen. Alice é casada com Jasper Hale, também filho adoptivo de Carlisle e Esme. O termo “adoptivo” é mais para os humanos não desconfiarem que, na verdade, são um clã de vampiros. Alice tem um dom muito especial. Alice consegue prever o futuro, embora, as visões possam mudar conforme as decisões da pessoa envolvida. Alice é a primeira a concordar com o namoro de Bella e Edward.


Jasper Hale – Jasper é o mais novo membro da família Cullen. Jasper é casado com Alice Cullen e também é “irmão” de Renesmee Cullen. Jasper tem um dom especial, também. Jasper consegue sentir e controlar os sentimentos das pessoas.Jasper é o membro da família mais reservado e sempre muito atento aos sentimentos da sua amada, Alice. Quando Edward anuncia o namoro com Bella Jasper apenas limita-se a ser simpático.


Rosalie Cullen – Rosalie, ou Rose, como Renesmee e o resto da família lhe chama é uma vampira um pouco revoltada. Rosalie sempre quis ter um filho mas quando Esme Cullen a transformou já era tarde demais. Rosalie é, também, uma das irmãs de Renesmee, e é casada com Emmett Cullen. Rose, não tem qualquer tipo de poder, apenas, como Emmett diz, uma extrema beleza. Quando Edward apresenta Bella á família Rosalie é a primeira a pensar nas consequências.


Emmett Cullen – Emmett Cullen é, também, irmão de Renesmee. É um vampiro enorme com uma personalidade brincalhona. Emmett tem 10x mais a força de um vampiro, a família sugere que é o poder dele. Emmett, quando conhece Bella pela primeira vez, apenas acha que ela daria uma boa vampira. Mesmo assim não discorda com o amor de Bella e Edward sendo tão diferentes.


Esme Cullen – Esme Cullen, em humana, conheceu Carlisle Cullen. Depois de o conhecer descobriu que Carlisle, na verdade, era um vampiro. Mesmo assim manteram uma relação e até casaram, poucos meses depois Esme descobriu que estava grávida de Renesmee. O parto foi complicado, descobrindo que o bebé era semi-vampiro, aí fez com que Carlisle fosse obrigado a transformar Esme em vampira. Esme não tem nenhum poder como alguns membros da família. Esme é a primeira a apoiar Edward na sua relação com Bella pois já passou pela situação deles. Esme é melhor amiga de Sarah, mãe de Jacob e esposa de Billy Black.


Carlisle Cullen – Verdadeiro pai de Renesmee e chefe do Clã Cullen. Carlisle dá-se bastante bem com Billy, pai de Jacob, ambos, quando é preciso e não só, juntam-se para conversar um pouco. Carlisle, quando descobriu os lobos, tentou que vampiros e lobos tentassem dar-se bem, porém, Emmett e Paul odeiam-se.
__________________________
OLá, está é a nova fanfic. A outra não parará de ser postada mas ela vai ser muito pequena por isso comecei já a escrever uma :)
Gostaram? Comente, por favor!
Bjs, Melissa

ALERTA ROBSTEN!

Como sabem há muitos rumores sobre uma possível relação entre Kristen e Robert. E eu acho que é bem verdade.
Kristen e Robert passam imenso tempo juntos e foi "descoberta" uma nova foto que comprova isso!


Aqui na foto está Clare, mãe do Robert, e Richard Pattinson. Ao que parece esta foto foi tirada no natal passado quando a familia passou as festas em Londres. (A familia e, pelos vistos, a Kristen).
Agora digam lá, não acham que eles estão mesmo juntos?
Bjs, Melissa