terça-feira, 7 de dezembro de 2010

2º capitulo de (Livro de renesmee)continuação

-Nessie, eu sei que é difícil de admitir, eu já passei por isso, mas eu sou sua mãe, pode me contar, filha.

-Contar o quê?

-Pensei que você gostaria de me dizer algo, mas se não quer, vou te deixar em paz.

Ela levantou, e senti, pelo seu tom de voz que estava magoada. Então a chamei e pedi que se senta-se na cama e lhe mostrei meus novos sentimentos, novas e desconhecidas emoções. Também lhe mostrei o quanto eu estava confusa com todas elas. A cada imagem que eu a mostrava, via um sorriso no canto da sua boca aparecer e sumir.

Quando as luzes das minhas lembranças se apagaram, ela respirou fundo e gaguejou algumas coisas, totalmente confusa. Bella odiava quando eu a deixava confusa, pois ela devia se sentir a mãe, dona das respostas e não a adolescente que virou vampira, embora em anos humanos ela estivesse com vinte e quatro anos, mas por dentro ela não lidava bem com a experiência de ser mãe tão cedo, e também devemos considerar que eu me tornei uma adolescente problemática muito rápido, não deu pra ela acompanhar minha mudança.

-Renesmee, é lindo o que você sente pelo Jacob, querida. E você nem compreende o sentimento direito, não é? Você está apaixonada, ô, eu não esperava que isso acontecesse tão rápido, mas aconteceu.

-Mãe, eu não posso me apaixonar por um lobisomem! Eu sou uma vampira!

-Meio vampira, meu amor. Você não oferece risco nenhum ao Jacob, já que você não possui veneno!

-Ah! Então é por isso que vocês agem todos como se isso fosse a coisa mais normal do mundo?

-Bem, mais normal não. Você é uma das poucas de sua espécie e ainda se apaixona por um lobisomem. Foi isso que eu e seu pai estávamos conversando, pensando na possibilidade de filhos, iria misturar demais...

-Filhos? Cara, vocês estão viajando! Vocês acham que eu vou me casar com o Jacob e ter filhos?- não segurei o riso, parecia até brincadeira.

Eu não pude me controlar! Minha mãe ali na minha frente me falando em filhos! A cara séria como ela falava sobre o assunto! Foi hilário!

- Nessie, não brinque com isso. É sério! Além disso você é imortal, e ele...

-Mãe! Não vamos fazer planos, ok! Você e o papai estão muito confiantes com esse romance, não é?

- Não é confiante...

- Sei, sei. Está bem, prometo avisar a vocês qualquer plano meu tá?

- OK, espero que sim!

Ela se levantou me beijou novamente e saiu do quarto devagar, como que pensando. Eu também não posso negar que fiquei pensativa com essas observações de minha mãe, ela estava certa. O que seria nossos filhos? Vampiros-lobisomens-humanos? E a imortalidade? Como é que eu poderia viver sem Jacob? Não! Se havia uma coisa clara era a certeza de que eu estava apaixonada por Jacob Black.


por favor comentem beijoos Danny

1 comentário: